sexta-feira, 1 de maio de 2015

A ocultação de Urano pela Lua em 15 de maio 2015!

Antônio Rosa Campos
arcampos_0911@yahoo.com.br
CEAMIG – REA/Brasil – AWB

Na noite de 15 de maio próximo, a Lua -9% iluminada e uma elongação do Sol 36°, ocultará o planeta Urano, magnitude 5.9 (Figura 1). Proporcionando um belo espetáculo aos observadores munidos com pequenos instrumentos óticos como: binóculos, lunetas e telescópios; esse evento poderá ser observado numa grande extensão da superfície terrestre.

Observadores localizados no leste do continente africano (Cabo Verde e Senegal), norte e nordeste da América do Sul (Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Paraguai, Peru e Uruguai), poderão acompanhar esse evento, conforme e apresentado nas tabelas 1 a 2 respectivamente.

Além das circunstâncias de gerais de visibilidade e também de desaparecimento e reaparecimento acima mencionadas, abaixo apresentamos o mapa global (figura 2) com a faixa de visibilidade do fenômeno que abrange demais ilhas localizadas nos oceanos Atlântico (norte e sul) e Pacífico (sul).

Urano

Numa análise pessoal, creio que podemos creditar a descoberta de Urano em 13 de março de 1781 como um dos marcos iniciais na busca de objetos celeste dentro do Sistema Solar exterior, visto que o fantástico observador Sir William Herschel o identifica em mais uma observação através da ocular. Mencionado que vê um disco ligeiramente alongado (ângulo de fase de 3.0°); desta forma, o planeta Urano torna-se o primeiro descoberto com um telescópio. A imagem na figura 3 demonstra o quando ainda estamos aprendemos sobre esse fantástico planeta.

As ocultações de planetas pela Lua são fenômenos de rara beleza, onde seus registros constituem uma excelente oportunidade do astrofotógrafo, por exemplo, incrementar sua coleção, bem como ainda, ao astrônomo amador manter um registro significativamente importante desde que enviado para associações de pesquisas como a ALPO (Association Lunar and Planetary Observers), IOTA (International Occultation Timing Association) e no Brasil a REA (Rede de Astronomia Observacional).

Sites recomendados:

"Como observar"
"formulário de reporte"
(ocultações de estrelas por asteroides).

Boas Observações!

Referências:

- MOURÃO, Ronaldo Rogério de Freitas. Dicionário Enciclopédico de Astronomia e Astronáutica. Rio e Janeiro: Ed. Nova Fronteira, 1987,  914P.

- CAMPOS, Antônio Rosa. Almanaque Astronômico Brasileiro 2015. Belo Horizonte: Ed. CEAMIG (Centro de Estudos Astronômicos de Minas Gerais), 2014. Disponível em: <http://www.ceamig.org.br/5_divu/alma2015.pdf> Acesso em 08 dez. 2014.

- HERALD, David. Occult v 4.0.8.18, (IOTA). Disponível em <http://www.lunar-occultations.com/iota/occult4.htm>. Acesso em: 09 set. 2014. Windows 7/ Professional.

- VILLARD, Ray. News Release Number: STScI-2005-33, 22 Dec. 2005. Disponível em: <http://hubblesite.org/newscenter/archive/releases/2005/33/text/> Acesso em 24 dez. 2014. 

- Cartes du Ciel - Version 3.8, Patrick Chevalley -  http://www.ap-i.net/skychart - acesso em 19 fev. 2013.

Nenhum comentário:

Postar um comentário